inovatorio

Já ouviu falar em Growth Hacking? Nunca? Não se preocupe, a gente te explica!

Basicamente Growth Hacking é um processo, uma maneira de pensar que busca formas criativas de resolver problemas e crescer usando menos recursos.

 

Já pensou em usar essa técnica na sua empresa? Veja como funciona:

 

A origem do Growth Hacking

 

O termo Growth Hacking foi desenvolvido por Sean Ellis (veja mais sobre ele aqui), um especialista no crescimento de startups, novas empresas que surgem principalmente no mercado online e buscam o crescimento rápido. Acredite, Growth Hacking ainda é marketing porém, com um modo diferente de pensar. Apesar de usar mais o lado analítico e técnico, ainda precisa do conhecimento de marketing para entender principalmente de psicologia do consumidor. Com essa técnica, Sean Ellis realizou trabalhos excelentes para grandes marcas como Dropbox.

 

A essência do Growth Hacking

 

Trata-se de um processo que se apropria de características de dois setores: o desenvolvimento ágil de software e o método científico. Calma, parece complicado, mas não é!

 

O desenvolvimento ágil nada mais é que as ações de marketing produzidas em intervalos curtos, rápidas, mesmo que possam ser incompletas e logo testadas e analisadas.

A partir dos dados coletados estas ações são estudadas e melhoradas.

 

No caso do método científico, é uma maneira de formular hipóteses ao invés de interferir nos fenômenos observados. Com isso, as ideias não passam de hipóteses que são testadas em experimentos controlados, evitando desperdício de tempo e grandes investimentos que não trazem resultados garantidos.

 

O Growth Hacker jamais fará um grande investimento em marketing se ele não tiver certeza de que trará resultados.

 

Para fazer o processo de Growth Hacker na sua startup você precisa:

 

  1. Estabelecer grandes objetivos para o seu crescimento
  2. Criar uma estrutura para criação contínua de novas ideias para o seu negócio.
  3. Estabelecer uma maneira de priorizar estas ideias.
  4. Criar um modo eficaz de estruturar seus experimentos
  5. Analisar todos os experimentos e classifique em bem ou mal sucedidos.
  6. Demonstrar os resultados e aprendizados para toda a empresa.

 

O Inovatório Design adota a estratégia de Growth Hacker para conhecer profundamente o usuário,  testar com processos bem definidos e analisar os dados. 

Ainda com dúvidas sobre como melhorar a sua empresa? Converse com a gente!